ilustração de dente com cárie

Quanto tempo demora para fazer um canal? Saiba tudo aqui!

O tratamento de canal dentário é eficaz na maioria dos casos, permitindo que o paciente preserve seu dente natural. Após o procedimento, é importante seguir as orientações do dentista para garantir a recuperação adequada.

Saiba as principais informações sobre o procedimento e quanto tempo demora para fazer um canal! 

O que é um canal dentário?

O canal dentário, também conhecido como tratamento de canal ou endodontia, é um procedimento odontológico realizado para tratar problemas na polpa dentária, que é a parte interna do dente onde estão localizados os nervos, vasos sanguíneos e tecido conjuntivo.

Este procedimento é frequentemente necessário quando a polpa dentária está inflamada ou infectada devido a cárie profunda, trauma dental, fratura ou outras condições.

O tratamento de canal envolve a remoção da polpa dentária danificada, limpeza, desinfecção e, em seguida, o preenchimento e selamento do espaço vazio com um material específico. O objetivo é salvar o dente, preservando sua estrutura e evitando a extração.

O procedimento de tratamento de canal geralmente é realizado em várias etapas.

O procedimento:

ilustração de quanto tempo demora para fazer um canal

Este processo é geralmente realizado em várias etapas, cada uma desempenhando um papel crucial na remoção da polpa danificada e na preservação do dente.

Veja abaixo, as etapas do procedimento do canal!

  • Avaliação e diagnóstico:
    O dentista avalia os sintomas, realiza exames de imagem (como radiografias) e determina a necessidade do tratamento de canal.
  • Anestesia:
    A área ao redor do dente é anestesiada para garantir que o paciente não sinta dor durante o procedimento.
  • Acesso à polpa:
    O dentista cria um pequeno acesso na coroa dentária para alcançar a polpa.
  • Remoção da polpa:
    A polpa dentária é removida cuidadosamente para eliminar a inflamação ou infecção.
  • Limpeza e modelagem:
    O espaço interno do dente é limpo e modelado para receber o material de preenchimento.
  • Preenchimento e selamento:
    O espaço vazio é preenchido com um material biocompatível, e o dente é selado para evitar a entrada de bactérias.
  • Restauração:
    Após o tratamento de canal, o dente geralmente precisa ser restaurado com uma restauração definitiva, como uma coroa, para fortalecer a estrutura dentária.

É importante observar que as etapas específicas podem variar dependendo da complexidade do caso. O dentista fornecerá orientações detalhadas sobre os cuidados pós-tratamento e, se necessário, prescreverá medicamentos para controle da dor e prevenção de infecções.

O tratamento de canal é altamente eficaz e permite que muitas pessoas mantenham seus dentes naturais por muitos anos.

Quanto tempo demora para fazer um canal?

paciente vendo no espelho o resultado do canal

O tempo necessário para realizar um tratamento de canal pode variar dependendo de vários fatores, incluindo a complexidade do caso, a localização do dente afetado e a habilidade do profissional.

Em muitos casos, o tratamento de canal é concluído em uma ou duas sessões, enquanto casos mais complexos podem exigir mais tempo.

Mas geralmente o tempo que leva para se fazer um canal dentário é entre 1 hora a 1 hora e meia.

Alguns fatores que podem influenciar a duração do tratamento de canal são:

Número de canais: Dentes têm diferentes números de canais. Dentes molares, por exemplo, geralmente têm mais canais do que dentes anteriores. O número de canais a serem tratados influenciará o tempo necessário.

Localização do dente: Dentes de difícil acesso ou localizados profundamente na boca podem demandar mais tempo para garantir um tratamento preciso.

Restaurações adicionais: Após o tratamento de canal, pode ser necessário o tempo adicional para a colocação de uma restauração, como uma coroa, para proteger e fortalecer o dente.

Inflamação e infecção: Se houver uma infecção significativa ou inflamação, o dentista pode optar por realizar o tratamento em várias sessões para garantir uma abordagem eficaz.

É importante discutir o plano de tratamento específico com seu dentista. Eles poderão fornecer uma estimativa mais precisa do tempo necessário com base na avaliação do seu caso.

Lembre-se de que a prioridade é garantir que o tratamento seja completo e eficaz, independentemente do tempo necessário.

Como evitar um canal?

mulher escovando os dentes para evitar cáries

Prevenir a necessidade de um tratamento de canal dentário envolve práticas de cuidados bucais consistentes para manter a saúde dos dentes e gengivas. 

  • Escovação adequada:
    Escove os dentes pelo menos duas vezes ao dia, usando uma escova de dentes com cerdas macias e pasta fluoretada. Certifique-se de escovar todas as superfícies dos dentes e a língua.
  • Uso do fio dental:
    Use fio dental diariamente para remover a placa bacteriana e os resíduos alimentares entre os dentes e abaixo da linha da gengiva.
  • Alimentação saudável:
    Mantenha uma dieta equilibrada e evite excesso de açúcares e alimentos ácidos, que podem contribuir para a formação de cáries.
  • Evitar hábitos destrutivos:
    Evite morder objetos duros, como gelo, e não use os dentes para abrir embalagens. Esses hábitos podem causar fraturas nos dentes.
  • Higiene bucal infantil:
    Inicie a higiene bucal desde a infância, incentivando boas práticas e supervisionando a escovação até que a criança possa fazê-la de maneira adequada. 

Lembre-se de que a prevenção é fundamental para manter a saúde bucal. Manter uma rotina consistente de cuidados bucais e realizar consultas regulares ao dentista são passos essenciais para evitar problemas que possam levar à necessidade de tratamento de canal.

Higiene bucal após o canal:

dentista avaliando a boca de uma paciente

A higiene bucal após um tratamento de canal é fundamental para garantir a saúde contínua dos dentes e prevenir problemas adicionais. Aqui estão algumas recomendações para a higiene bucal após um canal dentário

Escovação adequada:
Continue escovando os dentes cuidadosamente, pelo menos duas vezes ao dia. Use uma escova de dentes de cerdas macias e uma pasta de dentes com flúor.

Uso do fio dental:
Continue a usar o fio dental diariamente para limpar entre os dentes e abaixo da linha da gengiva. Isso ajuda a remover resíduos alimentares e a prevenir a formação de placa bacteriana.

Enxaguante bucal:
O uso de um enxaguante bucal com flúor pode complementar a higiene bucal, ajudando a fortalecer os dentes e prevenir cáries.

Agenda de consultas regulares:
Siga as recomendações do seu dentista em relação às consultas de acompanhamento. Consultas regulares são essenciais para monitorar a saúde bucal e tratar qualquer problema precocemente.

Evitar alimentos e bebidas açucarados:
Reduza o consumo de alimentos e bebidas açucarados, pois eles podem contribuir para a formação de cáries.

Proteção adicional:
Se o seu dente tratado com canal foi restaurado com uma coroa, por exemplo, siga as instruções do seu dentista para cuidar adequadamente da restauração.

Higiene da prótese ou aparelho ortodôntico:
Se você usa próteses ou aparelhos ortodônticos, siga as instruções específicas para a higiene desses dispositivos.

Atenção a sintomas novos:
Esteja atento a qualquer sintoma novo, como dor persistente, inchaço ou sensibilidade excessiva. Caso ocorra, entre em contato com seu dentista imediatamente.

Evitar hábitos destrutivos:
Evite hábitos que possam prejudicar seus dentes, como roer unhas, morder objetos duros, etc.

Lembre-se de que a higiene bucal é de extrema importância e as consultas regulares ao dentista são cruciais para manter a saúde bucal após um tratamento de canal. Se tiver dúvidas específicas ou preocupações, não hesite em discuti-las com seu dentista.

LEIA TAMBÉM: Canal radicular: Veja o que é e os problemas que o afetam!

Visitas regulares ao dentista

As visitas regulares garantem ao paciente a oportunidade de realizar consultas odontológicas e oferecem ao profissional a possibilidade de acompanhar a sua saúde bucal e prevenir doenças.

Além disso, por meio das visitas regulares é possível estabelecer um histórico odontológico, o que garante que o dentista tenha acesso aos procedimentos odontológicos já realizados e a possíveis tratamentos para garantir a sua saúde bucal.

A visita a uma clínica odontológica OralDents não visa só um sorriso mais bonito, mas também uma melhor qualidade de vida.

O seu sorriso é nossa prioridade! Confie na OralDents!

Você também pode gostar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *