o que é bruxismo nos dentes

O que é bruxismo nos dentes: confira mais sobre a condição

O bruxismo é uma desordem funcional caracterizada pelo ranger e apertar dos dentes durante o sono e que não possui uma causa específica.

Para saber mais sobre o que é bruxismo nos dentes continue acompanhando o artigo abaixo:

O que é bruxismo nos dentes?

O bruxismo é uma condição em que o paciente range ou aperta os seus dentes durante o período em que ele está dormindo.

Esse problema pode ocorrer de duas maneiras diferentes, o chamado bruxismo cêntrico, onde ocorre apenas o apertar dos dentes, e o bruxismo excêntrico, em que há o ranger e o apertar de dentes.

Ele pode afetar tanto crianças quanto idosos e também não possui distinção de sexo, podendo ocorrer em homens e mulheres.

Essa condição é caracterizada por ocorrer durante a noite, no entanto, o ranger e apertar de dentes também pode acontecer durante o dia, recebendo o nome de briquismo.

Quais as causas do bruxismo nos dentes?

O bruxismo nos dentes é uma condição que não possui uma causa específica, portanto não é possível afirmar com certeza qual é sua causa.

No entanto, acredita-se que existem alguns fatores de risco que contribuem para o seu surgimento, são eles:

  • Fatores psicológicos como ansiedade, tensão e estresse;
  • Herança genética;
  • Problemas de má-oclusão;
  • Hábitos parafuncionais;
  • Refluxo gastroesofágico.

Dessa forma, apesar de não possuir uma causa específica, esses fatores ainda podem influenciar seu surgimento.

Quais são as consequências?

O bruxismo nos dentes é uma condição que é caracterizada pelo ranger e apertar dos dentes, o que pode acabar provocando diversas consequências para o paciente.

Sendo assim, ele pode causar:

  • Amolecimento e desgaste dos dentes;
  • Dor tanto nos dentes quanto na ATM;
  • Gerar problemas de má oclusão;
  • Disfunção temporomandibular;
  • Estalos no ouvido;
  • Dor no pescoço;
  • Alterações no sono.

Como é feito o diagnóstico dessa condição

Como é feito o diagnóstico dessa condição?

Apesar de o bruxismo ser uma condição que, assim como visto acima, pode gerar várias consequências, geralmente o paciente não consegue identificar por si mesmo a presença dele.

Dessa forma, sua identificação geralmente é feita através de outra pessoa que percebe o ranger e apertar dos dentes.

O diagnóstico é feito a partir da análise dos sintomas reportados pelo paciente, o que normalmente ocorre pela autoavaliação das consequências ou devido ao fato de ter sido alertado por outra pessoa que tenha percebido os sintomas.

Após relatar ao profissional, caso necessário ele irá solicitar a realização de um exame chamado polissonografia para avaliar o grau do bruxismo.

Como é feito o tratamento?

O bruxismo ainda não possui uma cura completamente eficaz, no entanto, existem alguns tratamentos que são utilizados para amenizar os sintomas.

Entre eles é possível citar a realização de terapias, atividades prazerosas e uso de medicações para reduzir o estresse e a ansiedade. Também é possível utilizar a placa de bruxismo, que pode ser encontrada de duas formas, a placa de acrílico e a de silicone.

Apesar de ambas serem utilizadas para tratar o bruxismo, elas são utilizadas em casos diferentes. Sendo a de silicone utilizada para o bruxismo cêntrico e a de acrílico para o bruxismo excêntrico.

Elas são confeccionadas utilizando-se um molde da arcada dentária do paciente, o que garante que ela se encaixe perfeitamente na arcada dentária do paciente.

Visitas regulares ao dentista

As visitas regulares ao dentista são responsáveis por oferecer ao dentista a oportunidade de identificar o problema do bruxismo nos dentes com maior facilidade.

Dessa maneira, com a identificação precoce o dentista pode iniciar o tratamento com placa de bruxismo mais cedo, oferecendo assim uma chance maior de solucionar o problema.

Elas também garantem que seja possível identificar e tratar possíveis problemas bucais, como a cárie e o tártaro.

Também é possível realizar tratamentos rotineiros, como a profilaxia, que é a limpeza profissional dos dentes e deve ser realizada de 6 em 6 meses.

A profilaxia também garante a possibilidade de realizar a raspagem de tártaro e remoção da placa bacteriana.

Logo, as visitas periódicas também tornam possível o aconselhamento a respeito de bons hábitos de higiene bucal, fazendo assim com que o paciente melhore seus cuidados diários.

Logo, a visita a uma clínica odontológica OralDents não visa só um sorriso mais bonito, mas também uma melhor qualidade de vida.

O seu sorriso é nossa prioridade! Confie na OralDents!

Você também pode gostar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *