nimesulida serve para dor de dente

Nimesulida serve para dor de dente: descubra se funciona!

A dor de dente é um sintoma de outras complicações de saúde bucal que é bastante incômodo e nos leva a procurar por formas de aliviá-la.

Portanto, escrevemos este artigo para solucionar a dúvida se Nimesulida serve para dor de dente. Confira:

O que é Nimesulida?

Nimesulida é um medicamento da classe dos anti-inflamatórios não esteróides (AINE), que são um grupo de medicamentos utilizados para controlar febre, dor e inflamações.

Ela pode ser encontrada em diferentes versões, sendo elas: comprimido, cápsula, em gotas, gel e supositório.

Este medicamento age inibindo uma enzima chamada ciclooxigenase que está ligada a produção de uma substância chamada prostaglandina, o que acaba resultando em uma diminuição da dor e da inflamação.

Para que serve Nimesulida

Para que serve Nimesulida?

A Nimesulida é um medicamento da classe dos anti-inflamatórios não esteróides, o que faz com que ele geralmente seja utilizado para tratar inflamações.

Ela também pode ser utilizada em alguns casos para tratar casos de febre ou até mesmo dor, no entanto, é importante lembrar que a automedicação não é recomendada, portanto devemos utilizá-la apenas quando recomendada por um profissional.

Sendo assim, confira quais são os principais usos da nimesulida:

  • Dor articular;
  • Dor de dente;
  • Inflamações;
  • Febre;
  • Dor de garganta;
  • Sinusite.

Geralmente este medicamento leva aproximadamente 15 minutos para começar a fazer efeito, no entanto, nos casos de febre, pode levar um tempo maior para surtir efeito.

Quais são as contraindicações da Nimesulida?

A Nimesulida é um medicamento e como tal é contraindicado em alguns casos. Sendo assim, confira as principais contraindicações do remédio segundo a bula:

  • Alergia à Nimesulida ou a componentes dela;
  • Hipersensibilidade ao ácido acetilsalicílico ou outros AINE;
  • Histórico de reações hepáticas com o produto;
  • Úlceras;
  • Hemorragia no trato gastrointestinal;
  • Distúrbio de coagulação grave;
  • Insuficiência renal, hepática ou cardíaca grave;
  • Gestantes ou lactantes;
  • Crianças menores de 12 anos.

Por se tratar de um medicamento, não é recomendado utilizá-lo sem recomendação médica devido ao fato de que a automedicação não deve ser feita.

Quando a Nimesulida serve para dor de dente?

Assim como foi dito anteriormente, a Nimesulida é um medicamento da classe dos anti-inflamatórios e como tal geralmente é utilizado para tratar casos de inflamação.

Sendo assim, a Nimesulida geralmente é indicada para tratar a dor de dente em casos onde a causa da dor são processos inflamatórios.

Logo, ela tende a ser indicada para casos onde o motivo da dor de dente são problemas como a pulpite, impactos, fraturas dentárias e outros.

Além disso, é importante lembrar que por se tratar de uma medicamento, ela não deve ser utilizada sem a recomendação de um profissional.

Quais as principais causas da dor de dente

Quais as principais causas da dor de dente?

A dor de dente é um sintoma bastante incômodo que pode estar relacionado a vários tipos de problemas que afetam a saúde bucal e geralmente sempre nos leva a buscar por alguma forma de aliviar dor de dente.

Sendo assim, confira quais são os principais motivos responsáveis por causar a dor de dente:

Cárie

Cárie corresponde ao processo de corrosão dos dentes causado pelo acúmulo de bactérias que habitam na boca do paciente.

Este acúmulo geralmente ocorre devido a má higienização dos dentes, visto que isso faz com que a placa bacteriana não seja removida da superfície dos dentes, consequentemente resultando no acúmulo das bactérias sobre os dentes.

Quando estas bactérias digerem as partículas de alimentos sobre os dentes, elas liberam um ácido que é corrosivo para as estruturas dos dentes.

Sendo assim, a constante liberação desse ácido sobre o dente resulta em um processo erosivo que recebe o nome de cárie.

Inicialmente, ele não causa nenhum problema além do surgimento de pequenos furinhos e manchinhas pretas no dente, no entanto, com o passar do tempo essa erosão pode chegar à polpa do dente e causar bastante dor e incômodos.

Traumas

Os traumas podem ocorrer a qualquer momento em nossas vidas e geralmente ocorrem devido a algum acidente.

Esses impactos podem causar fraturas no dente, o que pode acabar resultando no comprometimento da estrutura do dente, além de também causar bastante dor.

Nascimento do siso

O dente do siso é um dente que geralmente tende a causar vários problemas durante o seu nascimento, sendo os principais a pericoronarite e o desalinhamento dos dentes.

A pericoronarite consiste em um problema onde, durante o nascimento do siso, um pedaço da gengiva fica preso sobre a coroa do dente e acaba inflamando, o que pode ser um processo bastante doloroso e incômodo, interferindo na mastigação do paciente.

Já o desalinhamento ocorre devido ao fato de que quando o siso começa a nascer os outros dentes já estão posicionados em seu devido lugar, o que acaba fazendo com que ele não tenha espaço para nascer e consequentemente venha empurrar os demais dentes para tal, resultando no desalinhamento e num processo bastante doloroso.

Como evitar a dor de dente?

Na maior parte das vezes a dor de dente tende a ser causada por complicações derivadas de infecções por bactérias ou por traumas causados por acidentes.

Devido ao fato de que os traumas geralmente são derivados de acidentes, na maior parte das vezes eles não podem ser evitados.

No entanto, nos casos onde a dor de dente é causada por bactérias é possível prevenir o seu aparecimento. A prevenção é feita a partir de uma boa escovação e do uso correto do fio dental.

Além disso, também é recomendado realizar visitas regulares ao dentista visto que elas permitem ao profissional a oportunidade de avaliar se há alguma complicação afetando sua saúde bucal e fazer a profilaxia, que é a limpeza profissional dos dentes.

Através desses cuidados é possível prevenir o surgimento de complicações que podem causar a dor de dente e consequentemente manter uma boa saúde bucal.

LEIA TAMBÉM: Nimesulida preço: saiba quais são os valores do remédio!

Como cuidar bem da saúde bucal?

Para cuidar bem da saúde bucal, é importante que o paciente mantenha bons cuidados de higiene bucal e realize visitas regulares ao dentista.

As visitas regulares são responsáveis por garantir que o paciente possa realizar o acompanhamento de sua saúde bucal.

Dessa forma é possível identificar e tratar quaisquer complicações de saúde bucal que possam vir a aparecer.

Além disso, as visitas também garantem que o paciente possa realizar a profilaxia dentária, que é a limpeza profissional dos dentes e por meio dela é possível realizar a remoção da placa bacteriana e a raspagem de tártaro.

Portanto, ela também é responsável por prevenir o surgimento de algumas complicações derivadas dessas bactérias que formam a placa e o tártaro.

Além disso, através delas o dentista também consegue avaliar a higienização bucal do paciente e dessa forma pode orientá-lo caso necessite melhorar algo.

Uma visita a uma clínica odontológica OralDents não visa só um sorriso mais bonito, mas também uma melhor qualidade de vida.

O seu sorriso é nossa prioridade! Confie na OralDents!

Gostou do texto? Tem alguma dúvida? Deixe aqui nos comentários.

Você também pode gostar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *