mulher realizando frenectomia lingual

Frenectomia lingual: tire suas dúvidas sobre o procedimento!

A frenectomia lingual tem um papel importante na promoção da saúde bucal, auxiliando na correção de restrições nos movimentos da língua e melhorando vários aspectos da função oral e qualidade de vida do paciente.

Quer saber mais sobre a frenectomia lingual? Leia o texto abaixo e se informe:

Frênulo lingual: o que é e para que serve?

pessoa mostrando o frênulo da língua

O frênulo lingual, mais conhecido como “freio da língua”, é uma pequena dobra de tecido localizada na parte de baixo da língua, que se liga ao assoalho bucal (local abaixo da língua). 

É uma estrutura natural que está em todos nós desde o nosso nascimento, mas em algumas pessoas, pode causar problemas na fala quando é muito curto ou rígido.

A língua é capaz de se mover rapidamente pela boca para auxiliar na fala, na mastigação e também na deglutição. O frênulo lingual é como uma corda que mantém a língua no lugar certo. 

Quando esse frênulo é muito curto ou apertado demais, pode limitar os movimentos da língua, causando o que muitos chamam de língua presa.

Se isso acontece, pode afetar atividades cotidianas, como a fala clara, a alimentação e até mesmo a higiene oral. 

Por exemplo, algumas pessoas com um frênulo lingual curto podem ter dificuldade em pronunciar algumas palavras ou sons, enquanto outras podem encontrar problemas ao comer certos alimentos, como os mais duros ou grudentos.

Graças aos avanços na odontologia, hoje, existem procedimentos simples e totalmente seguros para corrigir problemas ligados ao frênulo lingual, como a frenectomia lingual. 

Com isso, a língua se move livremente, melhorando a fala, a alimentação e a saúde oral em geral dos pacientes.

Logo, o frênulo lingual é uma pequena pele com um grande papel na nossa saúde bucal e atividades do dia a dia, e quando está alinhado, garante que nossa língua desempenhe suas funções de forma eficaz e sem restrições.

Frenectomia lingual

A frenectomia lingual é o procedimento cirúrgico realizado para corrigir problemas ligados ao frênulo lingual.

Esta cirurgia é indicada quando o frênulo lingual é muito curto ou rígido, o que pode causar limitação nos movimentos da língua e prejudicar atividades como fala, alimentação e higiene bucal.

Como é realizada a frenectomia lingual?

Durante o procedimento de frenectomia lingual, o cirurgião dentista irá realizar um pequeno corte no frênulo lingual, após irá remover o excesso de tecido que está causando a limitação. 

Há casos em que pode ser necessária a utilização de anestesia local para que o paciente se sinta mais confortável durante o procedimento.

Recuperação e cuidados pós-operatórios

Após a frenectomia lingual, é comum sentir um leve desconforto e pouco inchaço na região, mas isso geralmente desaparece alguns dias depois do procedimento. 

É recomendado evitar alimentos muito quentes ou picantes e manter uma boa higiene oral, realizando enxágues suaves com água morna e sal. Prefira alimentos leves e sem muito tempero nos primeiros dias.

O paciente também pode solicitar ao cirurgião algumas orientações específicas sobre exercícios de alongamento para ajudar na recuperação e na retomada dos movimentos.

Benefícios da Frenectomia Lingual

A frenectomia lingual traz vários benefícios, incluindo melhoria na fala e na reprodução de sons, ela também aumenta a mobilidade da língua, facilita a limpeza dos dentes, e, no caso de bebês, facilita a amamentação. 

Ao corrigir as restrições causadas pelo frênulo lingual, este procedimento permite uma melhor qualidade de vida e função oral para o paciente.

No mais, a frenectomia lingual é um procedimento muito simples e que visa corrigir problemas causados pelo frênulo lingual, proporcionando melhorias na função oral e qualidade de vida do paciente que optar por ela.

Quando realizar a frenectomia lingual?

dentista avaliando a saude bucal de paciente

A decisão de realizar uma frenectomia lingual geralmente é baseada em uma avaliação feita por um dentista e o paciente. 

Não existe um momento específico definido para realizar a frenectomia lingual, mas geralmente é recomendado quando há indicações clínicas de que o frênulo lingual está causando restrições nos movimentos da língua e afetando a função oral do paciente.

A frenectomia lingual pode ser realizada em qualquer idade, desde bebês até adultos. 

No entanto, em alguns casos, é melhor realizar o procedimento em uma idade mais jovem, especialmente se o frênulo lingual estiver interferindo na amamentação ou no desenvolvimento da fala em crianças.

Quanto mais cedo o procedimento for feito, melhor será para prevenir complicações e facilitar a adaptação do paciente.

Para adultos, a decisão de realizar uma frenectomia lingual pode ser baseada na gravidade dos sintomas e no impacto nas atividades diárias, como fala, alimentação e higiene oral. 

Se você tem o frênulo lingual curto ou apertado, e isto está causando algum desconforto ou interferindo na sua qualidade de vida, converse com seu dentista.

Ele pode recomendar o procedimento para corrigir o problema e aliviar os desconfortos que você sente.

É importante consultar um dentista para uma avaliação completa e bem feita para se ter recomendações personalizadas.

Frenectomia lingual em crianças

A frenectomia lingual em crianças é um procedimento que se mantém como seguro e simples, e é realizado por um odontopediatra. A frenectomia lingual em crianças é composta por etapas, classificados como:

  • Preparação;
  • Anestesia Local;
  • Incisão e remoção do tecido;
  • Hemostasia e sutura (se necessário);
  • Recuperação e cuidados pós-operatórios;
  • Acompanhamento.

Veja abaixo, um breve resumo sobre os passos citados acima!

Antes da frenectomia, o dentista realiza uma avaliação cuidadosa da criança para constatar a necessidade do procedimento e garantir que a criança esteja em boas condições de saúde para passar pela cirurgia. 

Em alguns casos, o dentista pode solicitar alguns exames, como radiografias, para avaliar a estrutura do frênulo lingual.

Para garantir o conforto e diminuir a tensão da criança durante o procedimento, é aplicada uma anestesia local na região da língua onde será realizado o pequeno corte.

Com a área de corte anestesiada, o dentista irá fazer uma pequena incisão (corte) no frênulo lingual, e após irá remover cuidadosa do excesso de tecido que está causando a restrição nos movimentos da língua.

Após a remoção do tecido, o dentista irá realizar a hemostasia para controlar qualquer sangramento e, se necessário, fará a sutura da incisão com pontos dissolúveis (são absolvidos pelo próprio corpo).

Após a frenectomia lingual, a criança pode sentir desconforto e inchaço na região da língua, que geralmente desaparecem dentro de alguns dias. 

Aos pais, é recomendado que evite dar alimentos muito quentes ou picantes à criança, e é sempre bom lembrar que a boa higiene oral deve ser mantida, realizando enxágues suaves com água morna e sal. 

O dentista também irá fornecer orientações específicas sobre como lidar com a recuperação e quaisquer cuidados especiais que possam ser necessários.

É importante que os pais retornem com a criança ao consultório odontológico para acompanhamento pós-operatório, para garantir que a área cicatrize adequadamente e que não ocorram complicações. 

Durante as consultas de acompanhamento, o dentista também pode avaliar a melhoria na função oral da criança após a frenectomia e constatar que a cirurgia foi um sucesso.

LEIA TAMBÉM: Criança com cárie: veja o que causa, sintomas e como tratar!

Frenectomia lingual x saúde bucal

mulher sendo avaliada por dentista

Como vimos acima, a frenectomia lingual está associada à saúde bucal, sendo um grande auxílio a pessoas que sofrem com anquiloglossia

Em alguns casos, um frênulo lingual curto pode estar associado a problemas de desenvolvimento dentário, como diastemas e retração gengival. 

Corrigir essas restrições por meio da frenectomia lingual pode ajudar a prevenir ou minimizar esses problemas no futuro.

Após realizar o procedimento é possível que o paciente possa se comunicar melhor e desenvolver uma melhora na higiene bucal, preservando os dentes e mantendo a saúde bucal em dia!

Visitas regulares ao dentista

As visitas regulares garantem ao paciente a oportunidade de realizar consultas odontológicas e oferecem ao profissional a possibilidade de acompanhar a sua saúde bucal e prevenir problemas, como o dente inflamado e outros.

Além disso, por meio das visitas regulares é possível estabelecer um histórico odontológico, o que garante que o dentista tenha acesso aos procedimentos odontológicos já realizados e a possíveis tratamentos para garantir a sua saúde bucal.

A visita a uma clínica odontológica OralDents não visa só um sorriso mais bonito, mas também uma melhor qualidade de vida.

O seu sorriso é nossa prioridade! Confie na OralDents!

Você também pode gostar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *