homem com um dente na mão se perguntando se dente permanente mole cai sozinho

Dente permanente mole cai sozinho? Saiba aqui as 6 causas!

Dente permanente mole cai sozinho? Essa é a preocupação de muitos adultos, então neste texto você poderá tirar suas dúvidas quanto à queda de dentes permanentes, como: causa e prevenção! Fique por dentro!

O que é um dente permanente?

Um dente permanente é um tipo de dente que substitui os dentes decíduos (dente de leite) na arcada dentária de um indivíduo. Os dentes permanentes começam a erupcionar à medida que os dentes decíduos começam a ser perdidos.

Eles são chamados de “permanente” porque, uma vez que erupcionam, são projetados para durar toda a vida, desde que recebam os devidos cuidados.

Os dentes permanentes são mais numerosos e variados em forma e função do que os dentes decíduos. Eles incluem incisivos, caninos, pré-molares e molares. Cada tipo de dente desempenha um papel específico na mastigação e na função do sistema estomatognático.

Os dentes permanentes começam a erupcionar por volta dos seis anos de idade, quando os primeiros molares permanentes surgem na boca.

A erupção dos dentes permanentes continua ao longo da infância e adolescência, culminando com a erupção dos terceiros molares, conhecidos como dentes do siso, geralmente na adolescência ou início da idade adulta.

Os cuidados adequados, como escovação regular, uso de fio dental e visitas regulares ao dentista, são essenciais para manter a saúde dos dentes permanentes e prevenir problemas como cárie, gengivite e outros distúrbios bucais.

O que deixa um dente permanente mole?

home com dor no dente permanente que está mole

A mobilidade dentária, ou seja, um dente permanente ficar mole, pode ser causada por várias razões. Sendo elas:

  • Doença periodontal (doença das gengivas): A periodontite é uma inflamação das estruturas ao redor do dente, incluindo as gengivas e o osso. Se não for tratada, pode levar à reabsorção óssea e à mobilidade dos dentes. 
  • Traumas:
    Trauma agudo: Um impacto súbito ou acidente pode causar danos aos ligamentos periodontais e levar à mobilidade dentária.
    Trauma oclusal: Uma mordida desequilibrada ou bruxismo (ranger dos dentes) constante pode criar pressões anormais nos dentes, resultando em mobilidade. 
  • Inflamação da polpa dentária (Pulpite): Uma inflamação da polpa do dente pode levar à mobilidade dentária. 
  • Perda óssea devido a infecção: Infecções graves ou outras condições que afetam o osso ao redor do dente podem levar à mobilidade. 
  • Problemas sistêmicos: Algumas condições médicas, como diabetes, podem afetar a saúde bucal, incluindo a estabilidade dos dentes. 
  • Mudanças hormonais: Em certos períodos da vida, como durante a gravidez, mudanças hormonais podem afetar a saúde bucal e contribuir para a mobilidade dentária.

Se um dente permanente estiver ficando mole, é crucial procurar ajuda odontológica imediatamente. O dentista realizará exames para determinar a causa subjacente e recomendará o tratamento apropriado.

O tratamento pode envolver desde a correção da higiene bucal até procedimentos periodontais ou endodônticos, dependendo da situação específica.

O que fazer quando o dente permanente mole cai sozinho?

homem segurando um dente permanente que caiu

Se um dente permanente ficar mole e cair sozinho, é uma situação que requer atenção odontológica imediata. Saiba aqui algumas ações que você pode considerar!

Se o dente permanente cair, tente recuperá-lo, manuseando-o cuidadosamente pela coroa (parte visível). Evite tocar na raiz do dente.

Se o dente estiver sujo, você pode lavá-lo suavemente com água fria ou soro fisiológico. Não use sabão, escovas ou produtos de limpeza.

Tente recolocar o dente no lugar original na boca, mantendo-o no local com uma leve mordida, se possível.

Se não for possível recolocar o dente, armazene-o em um recipiente com soro fisiológico, leite ou saliva do paciente. Evite armazenar o dente em água ou deixá-lo secar.

Entre em contato com um dentista imediatamente ou vá para a emergência odontológica. Quanto mais rápido você agir, maiores serão as chances de salvar o dente.

Evite manipular a raiz do dente.
Evite tocar na raiz ou remover qualquer tecido que esteja preso ao dente.

O dentista avaliará a condição do dente, verificará se há danos à raiz e determinará se há a possibilidade de reimplante. O reimplante é mais bem-sucedido quando realizado rapidamente após a perda do dente.

Se não for possível reimplantar o dente, o dentista discutirá opções de tratamento, como próteses dentárias ou implantes, para substituir o dente perdido.

Prevenção de queda de dentes permanentes

homem e seu filho escovando os dentes

A prevenção da queda de dentes permanentes envolve práticas de cuidados bucais adequadas e medidas para evitar lesões. Aqui estão algumas dicas:

Higiene bucal adequada:
Mantenha a higiene bucal em dia, escove os dentes pelo menos duas vezes ao dia com uma escova de dentes de cerdas macias.
Use creme dental com flúor para fortalecer os dentes e prevenir a cárie.

Fio dental regular:
Use fio dental diariamente para remover a placa bacteriana e os resíduos de alimentos entre os dentes.

Visitas regulares ao dentista:
Faça visitas regulares ao dentista para exames odontológicos e limpezas profissionais.

Evite hábitos destrutivos:
Evite hábitos como roer unhas ou morder objetos duros, como gelo, canetas ou nozes, pois essas práticas podem danificar os dentes.

Trate problemas dentários rapidamente:
Se você tiver cáries, infecções ou outros problemas dentários, procure tratamento imediatamente para evitar complicações que possam levar à perda de dentes.

Lembrando que, em caso de queda de um dente permanente, é crucial procurar ajuda odontológica imediatamente para aumentar as chances de salvar o dente e evitar complicações futuras.

Dente siso mole cai sozinho?

dente siso mole e doendo

Não é comum que um dente siso (ou qualquer dente permanente) caia sozinho sem razão aparente. Os dentes sisos, também conhecidos como terceiros molares, geralmente erupcionam na cavidade oral entre os 17 e 25 anos de idade.

A erupção pode ser acompanhada de algum desconforto, inchaço ou sensação de que o dente está “mole”. No entanto, esse desconforto e sensação de mobilidade são geralmente temporários e fazem parte do processo normal de erupção.

Se um dente siso estiver causando desconforto ou estiver dolorido durante a erupção, pode haver espaço insuficiente na boca, resultando em impactação parcial ou total do dente. Nesses casos, o dentista pode recomendar a extração do dente siso.

Se um dente siso estiver solto ou cair sem uma razão óbvia, isso pode indicar um problema, como cárie, doença periodontal ou trauma. Nesses casos, é essencial procurar atendimento odontológico imediatamente para avaliação e tratamento adequados.

Em resumo, um dente siso não deve cair sozinho sem uma razão aparente. Se você perceber qualquer alteração na mobilidade dos seus dentes sisos ou tiver desconforto, é aconselhável consultar um dentista para uma avaliação completa.

Visitas regulares ao dentista

As visitas regulares garantem ao paciente a oportunidade de realizar consultas odontológicas e oferecem ao profissional a possibilidade de acompanhar a sua saúde bucal e prevenir doenças.

Além disso, por meio das visitas regulares é possível estabelecer um histórico odontológico, o que garante que o dentista tenha acesso aos procedimentos odontológicos já realizados e a possíveis tratamentos para garantir a sua saúde bucal.

A visita a uma clínica odontológica OralDents não visa só um sorriso mais bonito, mas também uma melhor qualidade de vida.

O seu sorriso é nossa prioridade! Confie na OralDents!

Você também pode gostar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *